Do Youtube às Livrarias: Zoe Sugg e Alfie Deyes

5.5.15



Hello, people! Desde que o Youtube começou lá no início de 2005, ele veio ganhando enorme popularidade e transformando a vida de muita gente que resolveu postar os seus vídeos lá, como o queridíssimo Dylan O'Brien que agora está em Hollywood. Mas a fama não sorriu só para ele não! O casal de vloggers britânicos Zoe Sugg e Alfie Deyes que o diga!

Zoe, mais conhecida como Zoella, é uma vlogueira fashion e suas dicas de beleza e maquiagem você pode ver aqui. Já o canal sem noção do Alfie você pode conferir aqui. Os dois, juntos, somam mais de 10 milhões de inscrições entre pessoas de todo o mundo e de todas as idades! Tamanho sucesso atraiu outras formas de comunicação (óbvio) e Zoe e Alfie foram convidados a usar a sua criatividade, imaginação e experiências próprias agora na literatura!

Como resultado, da parte da Zoella surgiu Garota Online; um romance young adult e bem teen, e da parte do Alfie chegou às livrarias The Pointless Book: Um Livro Sem Noção; interativo e que acompanha um app gratuito para você ver os desafios que o próprio Alfie fez. Mas agora que você já sabe quem são os autores, vamos conferir o que eu achei dos livros? :)

                                   

Garota Online - Zoe Sugg
Verus Editora, 2015 | 308 páginas
Sinopse:  Penny tem um segredo. Com o nickname Garota Online, ela escreve um blog no qual desabafa seus sentimentos mais íntimos sobre amizade, meninos, os dramas do colégio, sua família maluca e os ataques de pânico que começaram a dominar sua vida. Quando as coisas vão de mal a pior, sua família a leva para Nova York, onde ela conhece Noah, um garoto lindo que toca guitarra, e com quem ela parece ter muito em comum. De repente, Penny percebe que está se apaixonando - e escreve sobre cada momento dessa história em seu blog, de maneira anônima. Só que Noah também tem um segredo, que ameaça arruinar o disfarce de Penny para sempre.
Ler Garota Online me fez lembrar o tipo de livro que eu lia muito quando tinha 14-17 anos; aquelas histórias de amor meio conto de fadas atuais que envolvem personagens estereotipados em um cenário de ensino médio. Só que com o upgrade de ter a dinâmica da internet como plano de fundo e motor para a continuidade da narrativa também. Eu estou 21 agora, e esse tipo de livro já não faz mais os meus olhos brilharem da mesma forma que fazia lá trás, mas isso não quer dizer que por isso eu tenha que criticá-lo, não é mesmo?
A verdade é que a Tici de 21 não viu muitos atrativos em Garota Online, a não ser as muitas referências pops que aparecem no livros (eles citaram Let it Go, cara ) e aquele ideal de família unida que hoje infelizmente é muito difícil de encontrar. A Penny - que tem um blog anônimo e faz sucesso contando seus pensamentos em relação à amizade, amor, diversão etc - me pareceu extremamente desastrada, do tipo que num primeiro momento dá vontade de sacudir, e tudo de bom que ela começa a ter na vida parece chegar de forma gratuita, sem muitos esforços. Some a isso também um protagonista perfeito demais e o alerta de anti-realidade não parou mais de tocar na minha cabeça. Impossível desligar.

Mas o que é a realidade para algumas meninas de 10-15 anos? A Tici de 14 lia livros assim e gostava, tudo ainda é muito novo nessa idade, não existe o clichê. Então, sim, mesmo não sendo o meu estilo favorito de leitura hoje, eu recomendo Garota Online para esse público mais jovem. O livro é fofo, inofensivo e aborda temas válidos, como enfrentar os seus medos, ser você mesmo e, principalmente, saber lidar com os pontos altos e baixos desse mundo maravilhoso-mas-não-tão-maravilhoso-assim chamado internet.

P.S.: Só eu que imaginei direitinho a Zoe Sugg como a Penny Porter, mesmo que fisicamente elas não sejam parecidas? 

                                  

The Pointless Book: Um Livro Sem Noção - Alfie Deyes
Verus Editora, 2015 | 192 páginas
Sinopse: Complementado por um app gratuito, este é um livro sem noção, cheio de diversão e desafios: assar um bolo na caneca; criar uma cápsula do tempo; fazer desenhos insanos; escrever um diário sobre uma semana da sua vida; aprender origami etc. Totalmente ilustrado e com uma série de jogos, atividades e brincadeiras, Alfie desafia você a completar seu diário e a não fazer praticamente nada com orgulho.
Eu amei, a-mei o livro do Deyes! Acho que dos últimos livros interativos que foram lançados, o Pointless Book é o que mais permite que você seja você mesmo, com todas as suas maluquices, rotina e sonhos. Ele não vai te exigir desenhos inspiradores ou criatividade a toda hora, nem vai te fazer olhar para o Pointless Book do coleguinha e pensar "Ah, por que eu não pensei nisso primeiro?". Em vez disso, o livro descarado vai apenas te perguntar se você ia preferir ter pernas do comprimento dos seus dedos ou dedos do comprimento das suas pernas. SOS.
Outra coisa legal é que muitas das tarefas são bem comuns, como jogo dos sete erros, ligue-pontos, origami, caça-palavras, charadas... Tem também aquelas que você vai precisar de um ou mais amigos para fazer com você, como jogo da velha, consequência, jogo dos quadrados e, claro, aqueles desafios mais divertidos que dá para gravar e colocar no Youtube também. Enfim, é um livro bastante divertido, às vezes com umas perguntas muito sem noção, mas que com certeza farão você cair na gargalhada em algum momento. Adorei!

Das ist alles, pessoal! Boas leituras e até as próximas resenhas! :)

You Might Also Like

6 Bilhetes

  1. Reconhecimento para quem merece. Não sei se leria o primeiro por ser indicado para uma faixa etária bem diferente da minha, mas o livro parece ser legal. Quanto ao segundo livro, estou na febre dos livros de colorir e os interativos perderam espaço comigo hehe.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  2. Oi Tici!
    Eu não conhecia a Zoella e o Alfie antes dos livros, acredita? Mas eis que nenhum dos livros me chamou a atenção.
    Já vi muitos leitores criticarem esses clichês de Garota Online, mas é como você disse...pode agradar em cheio a faixa etária a que se destina.
    Já The Pointless Book não me interessou porque não sou muito dos livros interativos.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Achei mais legal a ideia do livro de colorir e não sabiam que eles tinham publicado livrinhos, foi bem legal descobrir.

    Adorei conhecer seu bloguinho :)

    ResponderExcluir
  4. Oi Tici, sua linda, tudo bem?
    Antes de mais nada, seu novo layout ficou super delicado, lindo demais, combina perfeitamente com seu jeitinho, adorei!!! Eu estou totalmente por fora dessas pessoas que fazem sucesso no youtube. Eu só descobri que eles Zoella e o Alfie já faziam sucesso antes por lá, quando li algumas resenhas. Mesmo não sendo mais o público alvo, eu ainda gosto de livros juvenis, a inocência dessa idade e suas incertezas sempre acabam me comovendo, não tem jeito. Parece ser um livro gostoso, leve, para ler para descontrair. Agora, o livro interativo, eu adoro fazer jogo dos sete erros, encontrar objetos em páginas lotadas de figuras. Charadas sempre fui péssima, risos...
    Gostei muito da visão que teve, em uma mesma postagem nos apresentar resenhas de autores que vieram do youtube.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Tici! Adorei a postagem <3
    Assim, recebi "Garota Online", mas até agora a obra não me despertou muito interesse, apesar de pertencer ao público alvo, ao que parece. Acontece que o livro puxa pro teen e a sinopse me soou um tanto clichê. Mas pretendo ler algum dia.
    Já o segundo livro eu estou muito curiosa para conferir, adoro obras inusitadas do tipo. Parece hilário.

    Beijão

    ResponderExcluir
  6. Oi Tici!
    Que legal quando vemos o trabalho de pessoas tão próximas de nós sendo reconhecido dessa maneira! Curti os dois livros, os dois estilos,acho que começaria com o Garota Online. Gostei muito da sua opinião e do post lindo e chamativo! Bju
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2015/05/resenha-o-jeito-que-me-olha-nao-era.html

    ResponderExcluir

Copyright

Todas as fotografias e textos publicados são produzidos pela equipe do Feito Poesia, exceto quando sinalizado. Por favor, não copie nenhum deles sem a devida autorização dos autores. Todos os direitos reservados.


Seguidores