[Resenha] Outlander: A Viajante do Tempo

7.9.14



Outlander: a viajante do tempo

No original "Outlander", escrito pela estadunidense Diana 
Gabaldon. Publicado no Brasil em 2004 pela Rocco, e re-lançado agora pela Saída de Emergência, com 800 páginas.

"Pessoas desaparecem o tempo todo. (...) Muitos dos desaparecidos serão encontrados, por fim, vivos ou mortos. Afinal, os desaparecimentos têm explicação. Quase sempre." 



Inverness, 1945: É onde começa a jornada. Os casal inglês, Claire e Frank, está passando férias - e sua segunda lua-de-mel - nas Terras Altas da Escócia como uma forma de se reconectar e esquecer os horrores do passado. Ficaram separados por cinco anos logo após seu casamento, com Claire servindo como enfermeira ao exército britânico e Frank trabalhando no Serviço de Inteligência durante a Segunda Guerra Mundial.

Outro motivo que os leva a região é a paixão que o historiador, Frank, tem por reconstruir a árvore genealógica de sua família. Em suas pesquisas encontrou documentos que, durante algum tempo, um de seus antepassados,  de dois séculos atrás, teria vivido na região, mas pouco se sabe sobre o Capitão dos Dragões, Jonathan "Black Jack" Randall.



Em um passeio que Claire faz a um misterioso círculo de pedras à procura de amostras de plantas para sua coleção de estudos de Botânica algo muito estranho acontece. Claire desmaia e quando acorda tudo parece diferente.

"A pedra mais alta do círculo era fendida, com uma fissura vertical dividindo-a em duas partes maciças. Estranhamente, as duas partes haviam sido afastadas de algum modo. Embora fosse possível ver que as duas superfícies de frente uma para a outra se encaixavam, estavam separadas por uma brecha de quase um metro. Havia um zumbido profundo vindo de algum lugar bem próximo. Imaginei que deveria haver uma colmeia alojada em algum nicho da rocha e coloquei a mão sobre a pedra, a fim de inclinar-me para dentro da fenda. A pedra gritou." [pág. 50]



Inverness, 1745: É onde Claire acorda após atravessar a fenda do círculo de pedras. Sem saber o que havia acontecido e no meio de um conflito entre ingleses e escoceses, Claire tem seu primeiro encontro com o Capitão Jonathan Randall. No entanto, é salva - ou melhor, capturada -  por escoceses do Clã MacKenzie. Perdida numa época em que mulheres não possuíam qualquer independência e a segurança feminina dependia de uma figura masculina (pai ou marido), Claire se vê obrigada a casar com um dos guerreiros do clã MacKenzie e, assim, garantir sua aceitação no clã, mesmo sendo uma inglesa - uma sassenach -  e evitar cair nas garras do Capitão Black Jack Randall.

Jamie, o jovem ruivo de quem Claire cuidou dos ferimentos mais de uma vez desde que fora capturada pelo escoceses, se torna seu marido. Mas o que deveria ser um casamento por conveniência logo faz com que os dois se tornem grandes aliados e desperte sentimentos bem mais profundos, fazendo com que Claire fique dividida entre voltar para sua época e continuar sua vida com seu marido, Frank, ou permanecer em 1745 ao lado do homem que pode ter seu destino e seu coração nas mãos. 

"Rezei durante todo o caminho ladeira acima ontem. [...] Não para que você ficasse, não achava isso certo. Rezei para ser forte o suficiente para deixá-la ir embora. [...] Eu disse: 'Senhor, se nunca tive coragem em minha vida antes, que eu a tenha agora. Permita que eu seja corajoso o suficiente para não cair de joelhos e implorar-lhe que fique.' [...] A coisa mais difícil que eu já fiz, Sassenach." [pág. 487]



À primeira vista Outlander pode parecer mais um romance de época que você poderia encontrar em qualquer banca de jornal, e se você teve essa impressão não poderia estar mais errado. Kilts e cenas de sexo à parte, ainda que o livro seja focado na história de Claire e Jamie, ele retrata as belezas, a cultura e a história da Escócia de uma forma que fará qualquer um sentir vontade de pegar o primeiro avião para lá. É um livro extremamente descritivo, Diana Gabaldon retrata com detalhes as paisagens incríveis das famosas Terras Altas da Escócia, a cultura do povo escocês, os conflitos do período que precede a Batalha de Culloden (batalha entre ingleses e escoceses que destruiu a cultura e o povo escocês por muitos e muitos anos)... É uma grande aula de história costurada por uma bela história de amor.

Claire e Jamie são personagens fortes e determinados, a igualdade na relação deles foi algo maravilhoso no desenrolar da história. Não há a questão de um personagem que precisa ser protegido e outro que serve de protetor, os dois estão sempre prontos para proteger um ao outro. Outro ponto de destaque na escrita de Gabaldon é a profundidade de seus personagens - todos eles marcados por uma trajetória de vida -, e sua capacidade de criar um dos vilões mais odiáveis de toda a literatura que já fui capaz de ler. Se você se interessar, devo avisá-lo: o livro possui cenas fortes, prepare seu coração! Você vai viver cada página enquanto ler.

Curiosidade:

Para quem não sabe, em agosto começou a ser exibida nos EUA, pelo canal Starz, uma série baseada no livro. A série; estrelada por Caitriona Balfe, Sam Heughan e Tobias Menzies; antes mesmo de ter seu segundo episódio exibido, já recebeu a confirmação do canal para a produção da segunda temporada, baseada no segundo livro da série, A Libélula no Âmbar. Infelizmente ainda não há previsão de exibição no Brasil.

Resenha escrita pela ex-colaboradora Carla Rodriguez :)

You Might Also Like

21 Bilhetes

  1. To louco pelo livro, vi na livraria que a edição é LINDA.
    A série ainda não parei pra ver, preciso ver logo.
    Boa resenha.

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      O trabalho gráfico dos livros ficou realmente lindíssimo, tanto a edição antiga (da Rocco, que está na foto) quanto a nova (da Saída de Emergência).
      Infelizmente minha edição da SdE chegou depois da postagem, ficou faltando foto da edição nova.
      E se tiver a oportunidade, veja sim a série! A Starz está fazendo um trabalho muito bom.

      Abraços!

      Excluir
  2. Ainda não tive oportunidade de ler esse livro
    Mas todos falam super bem e eu amei a resenha
    As fotos também estão ótimas

    Beijos
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Que bom que gostou da resenha, espero que, quando tiver a oportunidade de ler Outlander, também goste do livro!

      Abraços!

      Excluir
  3. Oi Carla, tudo bem?

    Impossível não querer ler depois de taaaaaanta divulgação da Arqueiro hahaha Parece um livro ótimo, mas fiquei com um pouco de medo por ser descritivo demais, sabe? Eu geralmente canso muito rápido. Uma coisa que eu amo é quando o livro transborda conhecimento, e esse ainda mais falando sobre um lugar que eu não sei quase nada, acho que adoraria.
    Viu como estou dividida? hahaha Mas eu juro tentar dar uma chance, se eu comprar.

    Beijocas
    http://www.estantedasfadas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Carol!
      A Arqueiro está com tudo na divulgação, não é?
      O livro é bem descritivo sim, mas se você gosta de aprender sobre outros lugares e outras culturas (já que você disse não conhecer muito sobre a Escócia), Outlander é um prato cheio e delicioso! A Diana Gabaldon faz uma extensa pesquisa histórica para escrever seus livros. Você aprende história através dos livros dela, ao mesmo tempo que você tem a sensação de estar vivendo aquele momento do livro no meio das Highlands Escocesas...
      Se der uma chance, estou torcendo para que goste do livro!

      Abraços!

      Excluir
  4. OMG tem série???

    Eu quis esse livro assim que lançou, mas eu não consegui comprar ainda. Espero muito ter ele em mãos em breve, varios elogios que só aumentam a minha vontade de ler.

    Gostei da sua resenha!

    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ana Paula!
      Tem série sim! E a Starz está fazendo um ótimo trabalho coma adaptação. Se tiver oportunidade assistir ou de ler o livro, não perca!

      Abraços!

      Excluir
  5. Oiee ^^
    Estou doida para ler esse livro! Você não é a primeira a destacar os personagens, que me parecem ser muito bons. Decidi acompanhar a série de tv que está por aí também :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Dryh!
      Espero que esteja gostando a série, estão fazendo uma ótimo trabalho com adaptação.
      Mas se tiver oportunidade de ler, faça! A Diana Gabaldon é uma escritora incrível.

      Abraços!

      Excluir
  6. Olá Carla tudo bem? fiquei um pouco confusa, perdi algum post de apresentação sobre você? hahaha

    Enfim, seja BEM VINDA! Confesso que o livro me intimida pelo seu tamanho mas pelas resenhas que ando lendo vejo que a leitura é fluida e bem desenvolvida pela autora, pretendo ler sim o livro mas não em breve, quem sabe até la´dou uma olhada na série né?

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Joi!
      Não perdei post nenhum não! Na verdade eu estou aqui desde o começo, mas sumi e agora a Tici puxou minha orelha e estou voltando! ahahaha
      O livro é bem grande e deixa eu te contar um segredo: é o MENOR da série. Acredite ou não, a Diana Gabaldon consegue sim ter história pra esse tantão de página!
      Leia quando estiver com tempo sobrando, pq é uma leitura um pouco demorada, mas super vale o esforço;
      Se tiver oportunidade, assista mesmo a série. Estão fazendo um ótimo trabalho.

      Abraços!

      Excluir
  7. Oi!
    Ainda não tinha ouvido falar desse livro, mas a resenha me deixou interessada...
    Fiquei curiosa para saber se a personagem volta para o tempo dela ou fica com seu marido....rs
    Bjs, LU
    http://resenhasdalu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Luiza!
      Se ela vai voltar ou não, só você lendo pra saber. Mas posso te contar uma coisa: em 800 páginas, muuuita coisa acontece!
      Espero que goste!

      Abraços!

      Excluir
  8. Nossa, já tem até uma série e eu não conhecia! Tô muito por fora mesmo. Mas eu amo livros que mexem com o tempo, e principalmente, em épocas tão diferentes!
    Gostei muito. Vou procurar e por na minha listinha!

    Um beijo
    www.reinodascoisas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Karla!
      Tem sim! E tá beem legal a série!
      Espero que você goste do livro!

      Abraços

      Excluir
  9. Ei, Tici.
    Você tem a edição antiga e caríssima da Rocco! Nossa, essa série de livro é nada menos que IMENSA, tinha até solicitado para a Arqueiro, mas depois desisti por ter mais de 800 páginas. Acho melhor eu comprar e ler depois, com mais calma e tempo, do que ler o livro com pressa pra cumprir prazo pq ele é mesmo imenso. Mas eu quero ver a série e essa capa nova da SdE é PERFEITAA!
    Beijos.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Oláááááá!
    aaaaaaai meu deus!
    quero taaaaanto ler esse livro! depois da super publicidade para o lançamento... tem como não querer?
    e essa edição antiga ai?! que liiiiiiiiinda!
    adorei a resenha, parece ser daqueles livros que nós guardamos com taaaanto carinho!
    além de que... a série tem tudo para ser um super sucesso também!

    Um beeijo Lara.
    Blog Meus Mundos no Mundo | | Página Coração Furta-Cor

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia o livro, parece muito bom. Já tinha me interessado em ler agora que sei que tem uma série a vontade aumentou.

    Beijos!

    Lápis, Papel e História

    ResponderExcluir
  12. Oii, tudo bem Carla?
    Eu venho acompanhando o burburinho sobre a série de televisão e até me interessei, mas assisto tanta coisa que é meio difícil arrumar um tempo na grade, a mesma coisa com o livro. O tamanho dele não me intimida, até gosto de livros grandes, mas o tempo é tão curto :(
    Mas, a história me chamou bastante a atenção, adoro essa temática de viagens no tempo, ainda mais para uma época me que tudo era tão diferente e assustador. Imagino o que Claire deve passar. E já estou com o meu coração dividido, porque com certeza os dois são adoráveis!
    Não duvido que a escrita da autora é boa, afinal escrever não só um livro, mas ma série desse porte não é pra qualquer um, né?
    Enfim, espero ter a oportunidade de ler ou pelo menos vou dar uma olhadinha na série pra ver se gosto!
    Ótima resenha!
    Beijooos :D
    http://vanille-vie.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Estou doida pra ler esse livro, curto muito histórias sobre viagem no tempo e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais ansiosa, parece mesmo ser ótimo.

    ResponderExcluir

Copyright

Todas as fotografias e textos publicados são produzidos pela equipe do Feito Poesia, exceto quando sinalizado. Por favor, não copie nenhum deles sem a devida autorização dos autores. Todos os direitos reservados.


Seguidores