[Um Pouco Sobre] George Orwell

27.6.14

"Numa época de mentiras universais, dizer a verdade é um ato revolucionário."   
— George Orwell     

  Perfil: 


Curiosidades

Durante os anos da infância, Orwell se considerava uma criança solitária e isso influenciou o seu gosto por literatura. Mais tarde, ele escreveu: "Eu tinha o hábito comum a uma criança solitária de inventar histórias e ter conversas com pessoas imaginárias, e eu acho que desde o começo as minhas ambições literárias foram misturadas com os sentimentos de ser uma pessoa isolada e desvalorizada." 

Em Burma, Orwell adquiriu alguns hábitos indianos, como o bigode que muitos oficiais dos regimentos britânicos usavam e como as tatuagens desalinhadas de círculos azuis nas juntas das mãos, que acreditavam-se ser uma forma de proteção contra tiros e mordidas de cobras. A eficácia das tatuagens, porém, não durou muito, pois anos mais tarde, lutando contra o Franquismo, Orwell foi criticamente baleado no pescoço, passando semanas sem poder falar. 



 Obras:



A narrativa orwelliana é conhecida por tratar das injustiças sociais e por se opor fortemente ao totalitarismo. Orwell ele mesmo foi um homem que procurava sentir na pele tais injustiças; ele viveu anos em pobres condições para escrever Na Pior em Paris e Londres, um relato brutal das classes menos favorecidas dessas duas cidades, e depois resolveu publicá-lo sob o pseudônimo de George Orwell para que seus dias como mendigo não embaraçassem o nome de sua família. 

Outra experiência que também foi posta em palavras foi a época no POUM (Partido Operário de Unificação Marxista), na qual ele lutou contra as forças de Francisco Franco durante a Guerra Civil Espanhola. O relato foi chamado de Lutando na Espanha e, apesar de não ser a obra mais conhecida de Orwell, é tão aclamada quanto os seus célebres e últimos trabalhos: A Revolução dos Bichos1984, ambos com uma forte abordagem contra a opressão dos governos soviético e o distópico Big Brother, respectivamente.

       ♥  Na Pior em Paris e Londres (Down and out in Paris and London, 1933)
           Companhia das Letras - Skoob

       ♥  Dias na Birmânia (Burmese days, 1934)
           Companhia das Letras - Skoob

       ♥  A Flor da Inglaterra (Keep the aspidistra flying, 1936)
           Companhia das Letras - Skoob

       ♥  Lutando na Espanha (Homage to Catalonia, 1938)
           Editora Globo - Skoob

       ♥  A Revolução dos Bichos (Animal farm, 1945)
           Companhia das Letras - Skoob

       ♥  1984 (Nineteen eighty-four, 1949)
           Companhia das Letras - Skoob

Acima estão algumas de suas obras que mais se destacam, mas George Orwell escreveu uma série de ensaios, artigos, poemas e outros escritos, criando uma reputação por sua crítica bem construída. A lista completa de trabalhos do autor você pode encontrar aqui


 Frases:

"Quem controla o passado, controla o futuro. Quem controla o presente, controla o passado." (1984)

"Quatro patas bom, duas patas ruim." (A Revolução dos Bichos)

"As estrelas são um show gratuito. Não custa nada usar os seus olhos." (Na Pior em Paris e Londres)

"O crime de pensar não implica a morte. O crime de pensar é a própria morte." (1984)

"O erro que você comete é pensar que alguém pode viver numa sociedade corrupta sem se tornar corrupto também." (A Flor da Inglaterra)

"O poder não é um meio, é um fim em si mesmo. Não se estabelece uma ditadura para salvaguardar uma revolução; faz-se uma revolução para estabelecer uma ditadura." (1984)


George Orwell
(1903 - 1950)

You Might Also Like

18 Bilhetes

  1. Oi, Tici!
    Muito bacana o post, George Orwell é admirável mesmo!
    Sempre tive contato com Orwell nas aulas de sociologia na escola, mas nunca li um livro dele!
    Pretendo mudar isso em breve!

    PS: Acho que o quote seria "QUATRO patas bom, (...)" xD

    =D
    http://osdragoesdefogo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HUSAHUSHAUSHUAHSUAHSUAHA #fail... my bad, estou atrasada com esse post desde quarta-feira, que foi o aniversário dele, e ainda erro uma de suas frases mais memoráveis... Orwell vai puxar meu pé quando eu estiver dormindo rs
      Obrigada pelo puxão de orelha! Já corrigi!
      E leia sim, eu só li "1984" por enquanto, mas pretendo ler os outros também! ^^

      Excluir
  2. Adorei o post, pois nesse momento estou lendo 1984 e conhecendo um pouco da escrita desse grande autor. Depois dele quero saber mais sobre A Revolução dos Bichos...
    Ah, nem imaginava que o nome dele não era George Orwell. rsrs
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Desde quando conheci o livro A revolução dos bichos, na bienal do ano passado, tive curiosidade sobre esse autor. Ainda não tive oportunidade de ler nenhuma obra, mas vou ler em breve, quando eu tiver tempo.

    ResponderExcluir
  4. Ah... que show esse post, adorei!
    Só li o 1984, quero muito ler a Revolução dos Bichos também...
    Ele é realmente um autor importante e genial. Gostei muito de conhecer mais sobre a vida!
    Parabéns pelo post! :)
    Bjs, Lu
    http://resenhasdalu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Muitooo bom! Adoro esse autor, só li um livro dele , mas já se tornou um dos meus preferidos. 1984, um dos meus favoritos! Eu pesquisei bastante sobre o autor, quero ler mais obras dele.
    Beijos!
    Monólogo de Julieta.

    ResponderExcluir
  6. AAAH! Eu morro de vontade de ler algo desse autor e com certeza irei ler algum dia, falam tão bem dele, sem contar que os livros são incríveis, as capas são lindas, super atrativas e a sinopse dos mesmo são algo beeem interessante, enfim, adorei o post <3

    Beijos :*
    Larissa - Srta. Bookaholic

    ResponderExcluir
  7. Um mestre e ai se o big brother fosse como 1984 aahuuahhua
    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Gente que post mais maravilhoso Ticilinda *-* ,um dos post alternativos mais maravilhosos e consagrados que já vi aqui <3. O autor George Orwell ,se tornou o meu autor favorito e pessoa também. Os livros dele são maravilhosos ,mesmo sendo contos de fadas ,distópicas ,ficção é o único autor que li até agora que consegue trazer algo de tão verdadeiro e profundo ,como se tivéssemos lendo algo que ele escreveu o que passou e prevendo um pouco o que iria acontecer de agora. Estou lendo 1984 ,uma leitura bem difícil ,mas muito verdadeira. E poxa Ticifeia ,como podeeeeeee não ter lido ainda A Revolução dos Bichos? Inaceitável minha cara u.u kkkk. Leia porque é cara ,muito bom muito bom mesmo kkk. Você ler ,e o que leu nunca se esquece. Li Apenas Revolução Dos Bichos e estou lendo 1984 ,ainda não tive a honra de ler nenhum outro. Mas fiquei bem curiosa por causa das capas que sempre me chama atenção por causa das cores e ilustrações que pelo menos na maioria das vezes ,tem tudo a haver com o conteúdo >.<.
    Amei o post sua linda ,beijinhos e muito sucesso!
    chuvaelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode deixar que eu vou ler "A Revolução dos Bichos", sim e com certeza quando eu for rica e puder comprar todos os livros que eu quero, terei essa coleção inteira da Companhia das Letras, porque elas são realmente fantásticas! *-*
      Muito obrigada pelo comentário! Ficou super legal! xD
      xx

      Excluir
  9. Oi Tici estas novas edições da editora são incríveis, eu amo distopias acho que é meu gênero favorito, mas ainda (shame) não li 1984 que dizem ser o pioneiro das distopias, pretendo ler ainda este ano!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  10. Gostei do post! Não sabia nada sobre ele, apesar de já ter ouvido falar do livro A revolução dos bichos. Vou procurar na biblioteca da faculdade.
    Bjs!
    http://www.doceilusao.com/

    ResponderExcluir
  11. Adorei o post, show!!! Já ouvi falar do autor e de suas obras, mas ainda não tive oportunidade de ler.
    Foi muito bom saber sobre George, adorei =D

    Até!
    de-livro-em-livro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oiee ^^
    Já cheguei a ler um dos livros desse autor, A revolução dos bichos, acabei não gostando muito, mas admito que a escrita de Orwell é surpreendente, assim como sua biografia e frases.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oii, linda. Tudo bem?
    Adoro essa sua coluna, muitas vezes podemos gostar de um escritor, mas não nos damos o trabalho de ir pesquisar sobre ele. Acho que a vivência de um autor influencia diretamente naquilo que ele produz e podemos ver que com o George não foi diferente. Eu sabia algumas curiosidades sobre ele, mas não tinha a mínima ideia de que o nome dele não era George haha :O
    Apesar de ter lido apenas A revolução do Bichos dele, o admiro muito e o considero um grande escritor, ache genial o modo como ele abordou o totalitarismo neste livro e as como usou a metáfora dos animais, teve um grande impacto na minha visão das coisas. Preciso ler para ontem 1984 e agora me interessei por Na Pior em Paris e Londres também!
    Esperando ansiosamente o próximo escritor!
    Beijão!
    http://vanille-vie.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Tici!
    Adorei a escolha de autor para a coluna =D
    Apesar de ter vontade de ler livros do George ainda não conhecia sua biografia nem detalhes da sua trajetória.
    Dentre os títulos que ele escreveu tenho bastante vontade de ler 1984 e a Revolução dos Bichos.

    Beijos
    Espero sua visita =)
    http://numrelicario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Que horror, não conhecia! Mas gostei do seu texto sobre ele.

    Senhorita Priscila ,
    @priscilafrr
    xoxo.

    ResponderExcluir
  16. Confesso que nunca tinha ouvido falar desse escritor,e das obras dele só conheço "A Revolução dos Bichos" ,por que tem um filme baseado nesse livro,eu acho.
    Vou dar uma procuradinha no google para saber mais ,e ver umas sinopses de seus livros.
    bjos

    ResponderExcluir

Copyright

Todas as fotografias e textos publicados são produzidos pela equipe do Feito Poesia, exceto quando sinalizado. Por favor, não copie nenhum deles sem a devida autorização dos autores. Todos os direitos reservados.


Seguidores