O Fabuloso Mundo de Valentin Rekunenko

8.1.14












Recentemente, quando estava à procura de uma imagem para iniciar o conto do Bibliophiliarium, achei no Facebook, mais especificamente na página do Skoob, uma imagem que representava bem aquilo que eu queria transmitir ao apresentar a nossa biblioteca não apenas como um lugar onde você encontra histórias, mas também como um lugar onde você as vive.

A arte mostrava um buraco no meio dos livros antigos de uma estante. Atrás do buraco havia um mar e suas águas escorriam pelos livros da prateleira de baixo enquanto gaivotas sobrevoavam a nova cachoeira e uma pequena moça usando um vestido de época espiava com alguma curiosidade o cenário dentro do buraco. Tudo com toques tão bem acabados que parecia impossível não querer estar naquele lugar.


A imagem é na verdade uma pintura, e o dono da imaginação que a colocou numa tela é o artista ucraniano Valentin Rekunenko (Рекуненко Валентин Васильевич), membro desde 1987 da União dos Artistas da Ucrânia. Suas obras mesclam elementos diversificados, como peixes, óculos ou gatos, que contribuem para a criação de um atmosfera surreal, impossível, mas muito bela e delicada e que encontra apreciadores por todo o globo. Confiram! 


Uma das coisas que mais me chamou a atenção no trabalho de Rekunenko foi o destaque que suas pinturas dão à leitura e aos livros. Casas feitas de livros ou livros abertos com pessoas ou animais debruçados sobre eles são figuras recorrentes em suas obras e transmitem aquela sensação já bastante familiar a quem lê de que a leitura em geral pode te levar a outros níveis e a outros mundos. É um trabalho de imaginação admirável que mostra como imagens também sabem contar histórias. 

Então vamos brincar? Escolha uma das pinturas, de preferência aquela que mais te chamou a atenção, e imagine uma pequena história para ela. Eu fico com a terceira, de baixo para cima, e imagino algo como um amor platônico, perdido entre gerações, mas nem por isso menos impossível. 

"O pensamento lógico pode levar você de A a B, mas a imaginação te leva a qualquer 
parte do Universo."

Albert Einstein
(1879 - 1955)

You Might Also Like

18 Bilhetes

  1. Absolutamente encantadoras! Escolheria a 6ª pintura. Imagino uma jovem, que vive na Idade Moderna/ Antigo Regime, que passa a maior parte do tempo em casa, sonhando com grandes aventuras como as que ela lê nos livros. Sem contar que aquele guarda-chuvinha amarelo, me faz pensar numa aventura romântica, bem estilo How I Met Your Mother, rsrs. Bem isso! :)

    Ahh! Gostei também daquela que tem uma velhinha lendo em frente uma casa de livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A oitava imagem me lembra muitoooo o país de Aslan, a última imagem eu me imagino navegando com o capitão hook (:O), hahahha e a décima quarta, eu imagino a cena final de um desses filmes de épocas, com final feliz!

      Excluir
    2. Ahhh, o guarda-chuva amarelo! É impressionante como ele quase prendeu mais a minha atenção na pintura do que a própria jovem no balanço... ah, esses detalhes *-*

      Ótima história, Milena! E a velhinha é sensacional!

      Excluir
    3. Siiiim! Os detalhes são perfeitos! Eu ainda fiquei tentando identificar os títulos dos livros, haha!

      Excluir
    4. Crônicas Idílicas: Hook, apenas <3 me põe nesse navio também hein! Muito boa a sacada!

      Excluir
  2. Ah eu acho que a penúltima me lembra o pixano de Alice no país das maravilhas hahaha! Acho que a primeira foto, poderia ser uma pequena vila, e que misteriosamente caíram objetos misteriosos por ali, então eles descobrem os livros, e criam livros para a próxima geração!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cheshire ganhou um primo uhuuules! x) Divertidíssima a sua história, Grazi. Eu acho até que foi a nuvem com cara humana lá em cima que jogou os objetos (Você reparou na nuvem? Ou nas girafas? Ou até na dama com a calda do vestido tão longa que precisa que alguém fique segurando?) xD

      Excluir
    2. Eu vi um anjinho nas nuvens, mas cara humana não hahaha, eu vi uma menina curiosa olhando nos óculos, vi a girafa também hahaha!

      Excluir
  3. Belas imagens! Nem dá pra dizer qual é a melhor delas, mas acho que gosto mais da casinha feita de livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito linda a da casinha e, na minha opinião, não só por ser feita de livros, mas também por usar uma imagem toda desmistificada da bruxa! Tipo, aquela vassoura "de bruxa" feita de flores é um encanto! *-*

      Excluir
  4. A maior parte das imagens me lembram As Viagens de Gulliver, mas uma das que eu mais gosto é a nona pintura. Ela me lembra algo como uma mistura de Pequenos Guerreiros com Toy Story no século passado, como uma criança do final do século XIX ou início do XX, fantasiando sobre seus brinquedos ganhando vida e criando sua própria história numa tarde chuvosa que não pode sair para brincar no jardim.

    ResponderExcluir
  5. Adorei as imagens, são todas muito lindas, e passa mesmo a sensação do que você queria, de não só ler mas viver tudo o que há nos livros. Eu as achei linda, principalmente as que tem livros, o artista que as fez parece que gosta bastante de ler! hahaha
    Mas amei o post!
    Beijo!
    http://booksmanybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí é muito verdade, ele definitivamente deve ser um amante de livros! Obrigada por aparecer por aqui, Patricia! Seja muito bem-vinda!

      Excluir
  6. Nossa Ticiane, que obras lindas! Não conhecia esse artista e adorei tudo, o surrealismo é um dos meus períodos favoritos. Vou escrever algo sobre a imagem com os 2 guarda-chuvas e postar no meu blog, depois te mando o link. Ah, já estou seguindo e achei seu layout fofo.
    Bjos!

    http://seiqueeusei.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, Joana! Eu também fiquei encantada com o trabalho dele, e mande o link sim, por favor, vou adorar ler!

      Super beijo e já estou te seguindo!

      Excluir
  7. incrível o trabalho dele :0
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Copyright

Todas as fotografias e textos publicados são produzidos pela equipe do Feito Poesia, exceto quando sinalizado. Por favor, não copie nenhum deles sem a devida autorização dos autores. Todos os direitos reservados.


Seguidores